oficina classic

Mau funcionamento dos vidros traseiros

Este guia é uma descrição dos passos a executar para corrigir um problema muito comum em Range Rover com vidros eléctricos traseiros. Com o passar do tempo, o funcionamente destes fica um pouco aleatório, funcionando umas vezes e noutras não. O procedimento não deverá demorar mais que 30 minutos.

Leia completamente o guia e certifique-se que os procedimentos não lhe colocam qualquer dúvida. Certifique-se também que tem o material adequado e necessário. A utilização da informação constante no guia é da exclusiva responsabilidade dos utilizadores.

Ferramentas necessárias:

Uma chave de fendas, uma chave de roquete de 7mm e um ferro de soldar:

A primeira tarefa passa por retirarmos o porta-luvas, pois a ECU situa-se logo atrás. Apenas necessitamos de retirar com a chave de 7mm os  4 parafusos localizados nas dobradiças que prendem o porta-luvas ao tablier:

Removidos os parafusos, é possível retirar então o porta-luvas, movendo os trincos de mola e fazendo-os deslizar com cuidado pelos dois orifícios laterais.

A ECU é facilmente identificável. Como este carro não dispõe de ABS, apenas encontraremos uma ECU, caso contrário existiria uma segunda ao seu lado.

A cablagem deve ser desligada. Uma vez que a ECU está presa por três parafusos, um deles completamente inacessível, não é possível retirá-la completamente.

Assim, temos que utilizar a chave de fendas e puxar a tampa plástica protege e fecha a placa com circuitos integrados no seu interior.

Depois, é só fazer deslizar a placa (ECU). O seu aspeto é o seguinte:

Vale a pena inspecionar com cuidado os pontos de solda à procura daqueles que estão danificados. Um ponto de solda danificado é o mais característico. Bastou com o ferro aquecer o mesmo e ficou a funcionar.

Vale a pena testar antes de montar, ligando apenas as fichas à placa. Finalmente, montar tudo de novo, pela ordem inversa.

O Range Rover Portugal agradece ao João Cardoso pela elaboração deste guia.